terça-feira, 30 de dezembro de 2014

A verdadeira história do Robin Hood

A verdadeira história do Robin Hood, "O Príncipe dos Pobres", um dos heróis mais populares da Inglaterra.
Robin Hood, é um personagem fictício heroico, que ficou conhecido por roubar a nobreza, ou simplesmente os ricos, para distribuir entre os camponeses mais pobres.
Utilizava sua agilidade e habilidade de lidar com arco, para realizar tais feitos, além de conhecer muito bem a floresta, lugar para onde fugia, após seus saques.

O nome Robin Hood, surgiu pela primeira vez no século XIV, em um dos antigos clássicos da literatura inglesa, "Pedro o Lavrador", de William Langland.
A história começa com Robin de Locksley, um cruzado prisioneiro acusado de traição, viajando com o Rei Ricardo, com objetivo de catequizar os hereges.

Cena do filme Robin Hood (Russell Crowe) de 2010.
Em determinado momento da viagem, Robin consegue fugir. Porém, ao chegar em sua cidade, percebe que o príncipe John, o segundo herdeiro direto, aproveita a ausência do Rei Ricardo e assume seu trono, além de aumentar os impostos e matar o pai de Robin.

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

A verdadeira história de Johnny Bravo

A verdadeira história de Johnny Bravo.
Johnny Bravo é uma série de desenho animado norte-americana exibida pela Cartoon Network, criado por Van Partible. Foram produzidos 67 episódios, exibidos no canal durante 14 de Julho de 1997 a 24 de Agosto de 2004.
Johnny Bravo tem sua sua marca registrada, pelas suas poses narcisistas e seu visual despojado, de óculos escuros e topete loiro.
Boa parte dos episódios, giram em torno dele tentando conquistar uma mulher, para se apaixonar por ele. Ele é frequentemente espancado ou atordoado pelo seu alvo, ou simplesmente acaba abandonado por elas no final.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

A verdadeira história da magia da Disney

A Disney fez algo especial para demonstrar aos adultos e crianças que a verdadeira história da magia da Disney realmente existe. A produção, denominada "O Telefone Mágico", foi uma experiência inovadora para o público.
A verdadeira história da magia da Disney é conferida em uma cabine telefônica, que transforma sonhos em realidade, onde crianças e adultos podem falar com alguns de seus personagens preferidos. Eles tinham a possibilidade de contatar a Boutique de Laços, para falar com a Minnie ou Margarida, para a Casa do Mickey e trocar uma ideia com ele, para Pato Donald e ouvir sua linda e inconfundível voz, para o camarada Pateta, para Monstros S.A. e falar com Sulley ou até mesmo bater um papo com o incrível, milionário e filantrópico Homem de Ferro.

domingo, 14 de dezembro de 2014

A verdadeira história do Pato Donald

A verdadeira história do Pato Donald.
Donald foi criado em 1934 e é um dos principais personagens criados pela Disney. Famoso por seu forte temperamento e sua inconfundível voz rouca, deixou seu legado na companhia que até nos dias atuais, pode ser considerado um dos personagens animados mais queridos do mundo.

O nome Pato Donald, foi inspirado no jogador australiano de críquete (esporte semelhante ao basebol), Donald Bradman, o melhor rebatedor de críquete da história. Em 1932, quando Bradman e a equipe australiana estavam em turnê na América do Norte, Walt Disney estava no processo de criação de um amigo para Mickey Mouse.

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

A verdadeira história dos Três Porquinhos

Um dos únicos contos de fadas que todos os personagens são animais, é a história dos Três Porquinhos. 
Na história da Disney, a mais popular, os três porquinhos chamados Cícero, Heitor e Prático, resolvem construir três casas. Um deles (Cícero), constrói uma casa de palha, que fica pronto rapidamente, porém bem frágil. O segundo (Heitor), constrói uma de madeira, um pouco mais reforçado, mas ainda não é totalmente seguro. Já o terceiro (Prático), deixa a preguiça de lado e decide se dedicar na segurança e conforto, construindo uma casa de tijolos em alvenaria.


Enquanto o terceiro porquinho se dedicava na construção de sua casa de material, os outros porquinhos brincavam sem preocupação, pois suas casas teriam ficado prontas rapidamente.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

A verdadeira história de Frozen

A verdadeira história de Frozen - Uma Aventura Congelante.
O famoso filme em animação Frozen, foi produzido pela Disney, sendo o 53° filme produzido pela gigantesca Disney. O filme estreou em 2013 nos cinemas com muito sucesso, pois faturou mais de um bilhão de dólares nas bilheterias dos cinemas, venceu o Oscar de 2014 como melhor filme de animação e canção, com a música "Let It Go". O sucesso foi tanto que, Frozen é a animação de maior bilheteria de todos os tempos.
O que muita gente não sabe, é que o filme levou quase um século para ficar pronto. Vários projetos foram desenvolvidas pela Disney, mas nenhum até o ano de 2013 tinha saído do papel.

Um dos fatos mais marcantes do filme é a música contagiante chamada "Let It Go - Idina Menzel", posteriormente a música foi regravada pela cantora Demi Lovato.

sábado, 29 de novembro de 2014

A verdadeira história do Bob Esponja

A verdadeira história do Bob Esponja.
A animação norte americana foi criada pelo biólogo e animador Stephen Hillenburg nos meados da década de 80, época em que o criador frequentava a faculdade. O projeto demorou quase 10 anos para se concretizar, pois foi apenas em 1999 que o primeiro episódio piloto foi ao ar nos EUA.

A verdadeira história do Bob Esponja também está atrelada a sua idade. Durante alguns episódios da animação, a idade da esponja mais querida pode ser descoberta com algumas análises.

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Verdadeira história dos Simpsons

A primeira verdadeira história dos Simpsons, está atrelada a sua origem. Os Simpsons não foi criado apenas para entreter as crianças, Os Simpsons é uma sátira representada em animação, baseada no estilo de vida da classe média suburbana norte americana.
Seu primeiro episódio foi ao ar em 17 de dezembro de 1989 e até hoje está em exibição, o que torna a animação, uma das séries norte americanas de maior duração e sucesso.

Outra verdadeira história dos Simpsons, está atrelada aos personagens:

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

A verdadeira história de Tom e Jerry

A primeira verdadeira história de Tom e Jerry, é que a babá ou a suposta dona do gato Tom possui nome: Mamãe Dois Sapatos, ou simplesmente Mammy. Ela é uma personagem afro-americana, inspirada na atriz e cantora Hattie McDaniel (1895-1952), a primeira afro-descendente a ganhar um Óscar.


sexta-feira, 14 de novembro de 2014

A verdadeira história dos animais no Pokémon

Muitos imaginam que os animais do anime Pokémon, são os próprios pokémons, como a tartaruga sendo o Squirtle, e a cobra Naja sendo o Arbok, etc.  No entanto, a verdadeira história dos animais no Pokémon é outra. Em alguns episódios, é possível perceber que existem animais que não são pokémons, como peixes, tigres, suricatos e entre outros animais, coabitando o mesmo ambiente que os personagens da série.
É sensato dizer que a maioria dos pokémons, são inspirados em alguma planta ou algum animal. Mas, o curioso é saber que existem animais reais que não são pokémons dentro do anime. Por que o criador resolveu colocar esses animais dentro do anime, sendo que os próprios pokémons já são animais?

Eu acompanhei em minha infância as primeiras temporadas do anime, e sinceramente, nunca parei para pensar nessa questão. Aposto que, a grande maioria que acompanhou a série, também não conhecia a verdadeira história dos animais no Pokémon.

Segue os nomes de alguns episódios em que os animais podem ser vistos:
1)No episódio, As flores aquáticas da cidade de Cerulean, podem ser vistos peixes no aquário;
2)No episódio, A torre do terror, aparece um veado;
3)No episódio, O fantasma do pico da donzela, um suricato pode ser visto lutando contra o pokémon Ekans.


segunda-feira, 10 de novembro de 2014

A verdadeira história do João e o Pé de Feijão

Quem nunca ouviu falar ou já viu alguma ilustração do famoso conto João e o Pé de Feijão? Até mesmo o criador do famoso desenho animado Pica-pau, criou em 1940, um episódio em homenagem a essa história.
O história que a maioria conhece, fala sobre um pobre menino que vende a vaca de sua mãe em troca de feijões. Ao saber da notícia, a mãe furiosa taca o menino e os feijões para fora. Os feijões de forma mágica, germinam e crescem até as alturas das nuvens, curioso, Joãozinho sobe até o topo do pé e descobre um castelo enorme. Lá, ele descobre algumas riquezas e começa a furtar alguns bens valiosos do castelo do gigante, como o ovo e a arpa de ouro. Desconfiado, o gigante procura o invasor, com a seguinte famosa canção: "Fee, Fi, Fo, Fum, sinto cheiro de sangue de um inglês". 
No Final das contas, o menino consegue fugir do gigante, cortando o pé de feijão.

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

A Verdadeira História da Yakuza

A maior mafia japonesa, "Yakuza", surgiu em meados do século XVII, na Era Edo, com a venda de bens ilícitos e com envolvimento nos jogos de azar.

A Yakuza fatura com o tráfico de drogas e armas, pornografia e na extorsão de comerciantes, porém suas principais áreas de atuação são a prostituição e os jogos de azar.

Estima-se a existência de 110 mil membros na organização, distribuídos em várias regiões do mundo (Sudeste Asiático, América do Norte, Austrália, Rússia e Colômbia). A máfia japonesa possui um faturamento anual de aproximadamente U$ 13 bilhões, ou seja, uma verdadeira máquina de fazer dinheiro. Além de possuir um alto faturamento, a Yakuza é bem organizada e disciplinada, por possuir níveis hierárquicos entre os membros. O líder de um clã, por exemplo, é chamado de Oyabun e os subordinados são denominados Kobun.

sábado, 1 de novembro de 2014

Saudades do MSN Messenger

O MSN Messenger revolucionou a interatividade na internet no começo dos anos 2000. No entanto, seus dias de glória chegaram ao fim, o programa foi desativado em abril de 2013, deixando apenas memórias e saudades do MSN Messenger.
Para amenizar o sofrimento dos usuários e pra quem queira ainda utilizar o programa, a conta do Messenger pode ser migrado para o Skype, que funciona quase da mesma forma. O Skype ainda está muito longe do sucesso do MSN Messenger.

Em homenagem, listei algumas situações marcantes e inusitadas com o MSN Messenger.

1)O Messenger, foi um dos primeiros programas de mensagens instantâneas que utilizei, atrás apenas do ICQ.
2)Através do MSN Messenger pude conversar por meio de vídeo conferência com pessoas do outro lado do mundo sem nenhum custo.
3)Quando jovem e adolescente, muitas vezes faltava a coragem para se declarar a uma garota e, muitas vezes o programa era uma forma de escape que algumas vezes deram certo.
4)Com o cadastro do MSN eu podia utilizar também como e-mail. Isso acabava facilitando a vida de muitos, tornando mais fácil a memorização. Pois o ICQ era uma sequencia enorme de números que nunca memorizava.
5)Existia vários aplicativos para turbinar e customizar sua interface do MSN.Sa


quinta-feira, 30 de outubro de 2014

A verdadeira história do amor perfeito

Com o aumento da popularidade da internet e das redes sociais, as pessoas estão cada vez mais, se privando da interação social presencial. A interação presencial vem sendo substituída pela interação online. Muitos desses internautas são pessoas tímidas, fechadas e com poucos amigos, mas na internet acabam se comportando de uma forma totalmente diferente, cercado de várias pessoas de outras localidades dentro do mundo virtual. Tais pessoas acabam construindo uma realidade paralela daquilo que gostariam de vivenciar na vida real.
As farsas vão desde a existência de uma namorada ou namorado irreal até a criação de uma outra personalidade totalmente diferente da realidade. Na internet, tem-se a liberdade de fazer quase tudo no anonimato, nunca sabe-se se a outra pessoa que está conversando com você é uma pessoa real ou não.

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

A verdadeira história da alimentação saudável

No Brasil, quase metade da população sofre com um mal da atualidade, a obesidade.
Um dos principais fatores que contribuíram para o aumento dessa doença é a falta de tempo. Como consequencia a tradicional comida caseira, vem sendo substituída pelas comidas industriais, praticamente instantâneas, muitos saborosas, porém cheio de conservantes e outros componentes maléficos para a saúde humana. Como nossa sociedade, demanda muito dos nossos tempos, não resta outra opção em muitas horas, a não ser a comida industrial. Infelizmente, esse hábito, vem sendo repassadas para as novas gerações e consequentemente, a juventude também está ficando obesa.

Para nossa esperança, existem algumas técnicas para ter uma alimentação saudável, confira a verdadeira história da alimentação saudável, uma técnica simples que exige dedicação, pois grande parte da população não possui o hábito de consumir saladas e frutas.

Uma pesquisa americana revelou que é possível treinar o cérebro a escolher os alimentos corretos e saudáveis, ao invés de uma bela batata fria com bife ou um lanche no McDonald's e ainda ficar satisfeito com esses alimentos. O segredo é simples: ingerir esses alimentos frequentemente até viciar e condicionar o pobre cérebro. Através da repetição, o cérebro aprende as rotinas e se adapta com elas, tornando-as processos automáticos. O condicionamento da correta alimentação funciona da mesma forma que o famoso chocolate depois do almoço que a pessoa se habitou a ingerir após as refeições.

O famoso naturalista Charles Darwin já dizia: na luta pela vida, os animais se adaptam às diferentes situações, seja na alimentação, clima ou localização. Nesse sentido, pode-se afirmar que nenhuma pessoa irá morrer alterando seus hábitos alimentares, é apenas uma questão de adaptação.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

A verdadeira história do Shrek

O famoso filme em animação "Shrek", produzido pela DreamWorks, estreou nos cinemas em 2001 e foi um grande sucesso no mundo inteiro. O que muita gente não sabe, é que o querido Ogro Shrek, foi inspirado em uma pessoa de verdade, chamado Maurice Tillet.

A verdadeira história do Shrek nasceu na Rússia e cresceu na França, Maurice Tillet desenvolveu em sua juventude uma rara doença, a acromegalia (uma doença que faz o corpo inchar por uma produção excessiva de hormônios do crescimento). Desse modo, em pouco tempo seu corpo passou por várias transformações, ganhou orelhas, nariz, mãos e pés enormes, além do título de "o homem mais feio do mundo". Mas como pessoa, ele era considerado muito carinhoso e querido por aqueles que o conhecia.
Maurice Tillet, o verdadeiro Shrek em uma luta de Wrestling.

Na tentativa de se adaptar a nova aparência, Tillet mudou-se para os EUA, começou a treinar Wrestler e em pouco tempo tornou-se campeão de um famoso torneio americano do esporte. Na combinação da competição com sua aparência, Tillet ficou famoso em grande parte do mundo. Como ele também adorava crianças, ficou conhecido no mundo da luta como "O Anjo Francês".
Pacientes diagnosticados com essa doença, costumam ter vários problemas na saúde e morrer precocemente. Tillet faleceu com 51 anos, vítima de um ataque cardíaco.
A semelhança entre os dois é incontestável.
Devido suas características físicas e boa parte de seu comportamento se assemelharem com a do ogro Shrek, o lutador é apontado como o grande inspirador do personagem. Segundo fontes não oficiais, os produtores da Dreamworks, encontraram um busto de Tillet em um museu e a partir daí criaram o querido monstro.
Vale lembrar que o roteiro da animação não se relaciona com a vida de Tillet, a relação está apenas nas características do ogro Shrek.

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

A verdadeira história do Sutiã

O primeiro registro do sutiã, foi em uma antiga civilização Grega, datada em meados 2500 A.C.
Na verdade, o primeiro registro não era exatamente um sutiã e sim tipo de corpete. Porém, o corpete dessa época não tinha o objetivo de proteger e esconder os seios, mas sim de sustentá-los e elevá-los, deixando totalmente à mostra para todos, devido às questões culturais e religiosas.

Mil anos mais tarde, em Atenas (Grécia), surge o primeiro protótipo dos sutiãs atuais. O protótipo possuía duas tiras de pano que cruzavam as vestimentas da época, cobrindo totalmente o peitoral ou deixando apenas um dos seios à mostra.

Já na Idade Média, a regra era esconder todo o busto. Por esse motivo, os vestidos vinham com amarras para sucumbir com os pobres seios da mulherada.
No século XIX, com a invenção dos ilhóses, os espartilhos começam a ficar mais apertados e consequentemente mais perigosos, pois muitas mulheres na busca da cintura perfeita, tinham suas costelas quebradas pelo seu uso.
No século seguinte, em 1901, o sutiã foi oficialmente inventado e o famoso espartilho sai de cena. Outro fator que contribuiu para o desuso do espartilho foi a Primeira Guerra Mundial, para a economia de metais para fabricação de armamento militar.
Em 1968, o sutiã torna-se um símbolo de protesto, na busca  da dignidade perante a sociedade. O protesto,  ficou conhecido como a "Queima de Sutiãs", a queima dos sutiãs, de fato, nunca chegou a acontecer, as mulheres apenas colocaram vários objetos que simbolizavam a beleza feminina no chão. Nesse sentido, o nome relaciona-se apenas com as atitudes incendiárias das mulheres participantes do movimento.

Com o chegada da lycra, sutiãs mais confortáveis e ajustadas ao corpo invadem as lojas no início da década de 90. Atualmente, devido a tecnologia, os sutiãs passaram a ter inúmeras funções mágicas,seja para erguer, diminuir ou juntar os seios.

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

A verdadeira história do Carro Etétrico

O carro elétrico originou-se no século XIX, mas somente em 1990 que os carros elétricos ganharam espaço, através de um decreto sancionado na Califórnia - EUA, que obrigava as maiores montadoras americanas a investirem em veículos não poluentes.
Os principais motivos para o investimento nesse tipo de veículo, estaria relacionado a limitada existência de combustível fóssil e a redução da poluição.

Apesar da proposta dos carros elétricos serem interessantes, o carro até hoje não teve seu espaço merecedor no mercado automobilístico. 
Os possíveis motivos do carro elétrico não ter caído no gosto popular, serão apresentados a seguir:
  • Quando os EUA invadiu o Iraque em 2003, fez com que o preço do Petróleo fosse controlado, uma vez que o Iraque é um dos maiores produtores de petróleo no mundo;
  • Os carros considerados de grande porte, como as grandes Camionetas e grandes Jipes, ganharam popularidade nos últimos anos, criando uma demanda oposta às dos carros econômicos e elétricos;
  • A gigantesca indústria petrolífera, investiu contra a proposta dos carros elétricos;
  • As montadoras em pacto com a indústria petrolífera, nunca produziram em série um carro elétrico, nunca foram expostos em concessionárias para os consumidores de maneira acessível;
  • O preço de um carro elétrico é ainda bem mais caro que um convencional. Além do mais, existem poucos postos de abastecimento para os carros elétricos;
  • Em 2003, o governo americano decretou o fim das obrigações das montadores em investirem em carros não poluentes;
  • Diante do cenário de tantos reveses, o investimento acabou migrando-se para os carros Flex (gasolina/etanol), que de fato, polui menos, mas distante de alterar o mercado do petróleo.

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

A verdadeira história da tatuagem

A tatuagem também conhecido, como dermopigmentação, ou simplesmente ato de colorir a pele, é uma das formas de modificar o corpo milenar e mais popular do mundo.

A descoberta da tatuagem mais antiga do mundo, ocorreu em 1991 na Europa, no cadáver congelado de um homem da Idade do Bronze. Os restos mortais do tatuado, nomeado pelos cientistas de Ötzi, datam aproximadamente 3300 anos Antes de Cristo. Em diversas parte do corpo foram identificadas várias linhas desenhadas, supõe-se que os mesmos tenham sido criados a partir da fricção de carvão em cortes verticais feitos na pele.
Após análise do corpo, exames de raio X revelaram degenerações ósseas ao lado de cada uma das tatuagens. Dessa forma, os cientistas a acreditam que o antigo povoado de Ötzi  utilizasse os desenhos como uma forma de tratamento médico para reduzir a dor.
No Antigo Egito e entre outros povos nativos da Filipinas, utilizam a tatuagem como parte de rituais atreladas à religião

Com o passar do tempo, as tatuagens ganharam outros significados nas vidas das pessoas.
Em meados do século XIX, a tatuagem na Inglaterra era utilizada como forma de identificação dos criminosos, a partir de então, a tatuagem ganhou sua famosa associação ao crime. Facções criminosas como a Yakuza (máfia japonesa), tem como parte de identificação entre seus membros a tatuagem.
A tatuagem foi ganhando cada vez mais espaço e adeptos nos últimos anos. Atualmente, a tatuagem é vista como uma arte, atingindo todas as camadas sociais.

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

A verdadeira história da política brasileira

No Brasil, tudo que se refere a política vem a tona o sentimento de desconfiança. Um dos fatores responsáveis por esse desconforto é a corrupção exagerada e escancarada que ocorre em volta dos políticos.
Vivenciamos a democracia, que significa que o poder de governar o país está nas mãos do povo (ou pelo menos deveria ser), através do voto. Ou seja, quando alguém vota em algum candidato, o cidadão está delegando (autorizando) seu poder ao seu candidato, para que possa tomar decisões e agir conforme as circunstâncias em seu nome e de outras pessoas.

Toda essa desconfiança e complicação da política brasileira, faz com que muitos brasileiros se desinteressem pela política. Esse desinteresse, faz com que os políticos tenham privilégios de seus interesses próprios, deixando de atender os interesses da coletividade. Esses cidadãos que se desinteressam pela atividade política, são muitas vezes vistos como inferiores de fácil manipulação pelos governantes.
Enquanto existir a grande porcentagem de desinteressados pela política, mais os governantes terão facilidade de controle e domínio sobre uma sociedade. Ou seja, na maioria das vezes, a democracia acaba se tornando uma ironia.
Como já dizia Platão, "O  preço a pagar pela tua não participação na política, é seres governado por quem é inferior."

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

As versões da Branca de Neve

Como já abordamos em publicações anteriores, a Branca de Neve é um dos contos mais famosos de todos os tempos. Por esse motivo, várias versões e adaptações foram criadas para todos os públicos.
Para conhecer a verdadeira história da Branca de Neve, clique aqui.

Confira agora, algumas das várias versões existentes do famoso conto Branca de Neve:

Kristen Stewart interpretou Branca de Neve em 2012, no filme Branca de Neve o Caçador.
Um filme voltado para um público adolescente e mais maduro.

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

O Verdadeiro Apocalipse Zumbi

Os "zumbis" é um dos temas mais abordados no mundo do cinema. Seu ápice aconteceu na década de 90 com os jogos da saga Resident Evil e agora pelo seriado The Walking Dead.
O que tudo mundo sabe, os zumbis não são realidade, são meramente ficção, pelo menos até os dias atuais. Porém, até pouco tempo atrás, a verdadeira história dos zumbis era um mistério, sua verdadeira história pode ser conferida em outro post desse blog.

Já entre o mundo dos insetos, isso deixou de ser ficção, o verdadeira apocalipse zumbi já aconteceu. Eles correm esse risco podendo ser infectados e passarem isso para todos que estiverem ao seu redor. Isso mesmo, um fungo chamado Cordyceps é o responsável por essa transformação de transformar insetos em zumbis!

Este fungo usa o seu micélio para substituir os tecidos da vítima, tal processo forma estruturas cilíndricas que emergem do corpo do animal deformando-o. Para tornar-se completamente um zumbi, o fungo tem a capacidade de "dominar" o cérebro do inseto, fazendo com que ele se desloque para um local mais propício para o crescimento do parasita.

É daqui uns dias, vai ter cientistas trabalhando com esse fungo, para poderem criarem um armamento químico que pode transformar seres humanos em zumbis também.
Do jeito que nossa humanidade está hoje, não duvido de mais nada. Os seres humanos estão em busca de poder, riqueza a qualquer custo e, estão dispostos a qualquer custo obter tais benefícios.
Então é bom estar preparado para tudo, que tal começar vendo os motivos para assistir The Walking Dead!!??

Pra falar a verdade, já existe um game para Playstation 3 que aborda essa catástrofe. O jogo chamado The Last Of Us, da Naughty Dog, além de retratar esse apocalipse no mundo dos humanos possui um ótimo enredo e jogabilidade. O game está entre os mais conceituados da atualidade.
Reparem os cogumelos na cabeça. É como ocorre
com os insetos na vida real.

A verdadeira história da segurança pública

Uma das nossas grandes obrigações com o Estado é o pagamento de impostos, que deveria ser revertidos em saúde, educação, infra-estrutura e segurança.

Apesar do Brasil ser um dos países que mais cobram impostos do mundo, todos sabem que tudo isso no Brasil é lastimável. Para isso, temos que investir do nosso próprio bolso para termos ensino de qualidade, segurança e saúde.

Um exemplo disso, é a onda de assalto que vem ocorrendo ao longo dos últimos dias em determinado bairro de minha cidade. A casa de um colega foi assaltada três vezes em menos de uma semana. Ao chamar a polícia, o mesmo nada pode fazer, pois para prender os vagabundos, os mesmos devem ser pegos em flagrante.
Nesse sentido, vivemos praticamente presos em nossas casas sem poder fazer nada contra isso, não podemos sair de nossas casas tranquilamente.
Cadê a segurança de nossa cidade e do nosso país? Pra onde todo nosso dinheiro é investido?

domingo, 28 de setembro de 2014

A verdadeira história do Super Mario

Super Mario é Um dos principais nomes do mundo dos games e talvez o principal nome da marca Nintendo! Só por esse pequeno detalhe não podemos deixar de apresentar a verdadeira história do Super Mario.

A história do jogo aparenta não possuir nenhuma distorção com o roteiro que  conhecemos. Entretanto, o mistério e a discussão do jogo encontra-se no cogumelo que faz o Mario crescer e ficar mais forte. Para surpresa de muitos, o cogumelo vermelho  com pintas brancas encontradas durante várias etapas do jogo, que faz o Mario crescer, é o Amanita Muscaria, um cogumelo alucinógeno!! 
Isso mesmo, nosso querido encanador Super Mario se droga para se sentir mais forte e combater seus inimigos ferozmente. Quando ingerido esse tipo de cogumelo, o indivíduo começa a ter sensação de como se estivesse crescendo de tamanho, ou como se o resto do mundo estivesse encolhendo, fato que acontece no Mundo de Mario Bros.

Veja como os cogumelos da vida real com o do jogo são semelhantes.

O cogumelo possui propriedades psicoativas e alucinógenos em humanos, os efeitos do uso deste cogumelo inicia-se após 15 minutos após sua ingestão. Os efeitos iniciais são vertigem, confusão mental, náusea e secura na boca. Este desconforto aos poucos vai se substituindo por um leve sono, no qual a pessoa começa a ter visões e imagens fantasiosas.

De acordo com o manual do jogo, a história se passa num reino chamado Reino dos Cogumelos:
"Certo dia, o tranquilo Reino dos Cogumelos foi invadido pelo malvado Koopas e sua tribo de tartarugas, conhecido pelo uso de magia negra. Após a invasão, os indefesos moradores do reino foram transformados em pedras, barros e até mesmo flores. Com o reino quase acabado, uma pessoa tenta enfrentá-los, a Princesa Peach. Mas infelizmente, ela acaba se tornando prisioneira pelo Rei dos Koopas. Diante de todas as dificuldades, surge o nosso querido encanador, chamado Mario. Ele, então decide que irá salvar a princesa e assim libertar toda a população do reino das mãos de Koopas."
O nosso querido Mario parece ter consumido muito cogumelo pra ficar com esse tamanho todo!

domingo, 21 de setembro de 2014

O verdadeiro Pokémon do mal

Um famoso episódio do anime Pokémon, ficou na lembrança de muitas pessoas de todo o mundo após sua exibição. O episódio 38 do anime, "O soldado elétrico Porygon" foi ao ar em 16 de Dezembro de 1997, no Japão.

O episódio conta a viagem de Ash, seus amigos e Porygon numa espécie de espaço cibernético para deter a Equipe Rocket (novidade né!?). Enfim, em determinado momento do episódio, vários mísseis são lançados por um anti-vírus e o Pokémon mais famoso do mundo, Pikachu usa o Choque do Trovão para interceptar os mísseis.

E foi justamente nessa intercepção ocorreu o terror nas pobres crianças japonesas. O poder foi tão forte que as explosões ultrapassaram as televisões e atingiram os telespectadores dentro de suas casas.
Ok, é mentira!! O que na verdade aconteceu foi o seguinte:

Para fazer os efeitos da explosão dos mísseis juntamente com o Choque do Trovão de Pikachu, foi utilizado por diversas vezes um efeito em que a tela piscava em vermelho e azul, a uma freqüência de 12 Hz, durante poucos segundos. Durante esse curto período, vários telespectadores que assistiam a série passaram mal, tiveram visão manchada, dores de cabeça, tonturas e náuseas. Estima-se que 700 pessoas tiveram ataques epilépticos no Japão, duranta a exibição do anime.
No dia seguinte da exibição, a TV Tokyo pediu desculpas a todos e disse que investigaria o ocorrido. Como consequencia, as ações da Nintendo caíram 5%, o anime Pokémon saiu do ar por quatro meses, voltando em abril de 1998 em outro horário. Regras foram estabelecidas para que o incidente não se repetisse e o pobre Porygon nunca mais apareceu no anime.
O episódio foi censurado em todo o mundo, porém versões japonesas do episódio, ainda podem ser encontradas principalmente na internet, mas assisti-lo ainda continua não sendo recomendável para pessoas que tenham sensibilidade à luzes ou histórico de ataques epilépticos.

A repercussão mundial foi tão grande que um dos episódios da série animada, Os Simpsons, faz referência a polêmica envolvendo o incidente do anime japonês. Nos Simpsons, Homer e sua família estão assistindo programas de TV japoneses, e quando resolvem trocarem de canal que exibia desenhos, passam a sofrer convulsões.

sábado, 13 de setembro de 2014

A verdadeira história dos Zumbis

Primeiramente, todo mundo já deve saber que um Zumbi é um ser humano que voltou a vida na forma irracional e que se propagam através de mordidas. Para nossa alegria, esse ser não existe, não passa de apenas uma criatura do nosso mundo fictício e imaginário, pelo menos por enquanto.
Mas agora vem a dúvida: de onde surgiram as primeiras história e imagens de zumbis, quem foi o sanguinário pessimista que começou a trabalhar em cima desses seres temidos?!

A verdadeira história dos zumbis e suas origens ainda é um mistério, mas segundo pesquisadores, os primeiros indícios de zumbis vieram das crenças espirituais Vodou afro-caribenhos, em que os mortos voltavam a vida controlados por um grandioso feiticeiro,  para servir ao trabalho.

Para tentar compreender tal fenômeno, em 1937, uma pesquisadora norte americana chamada Zora Hurston foi até o Haiti e encontrou uma mulher que aparentava sinais de um Zumbi. Segundo relatos, a mulher zumbi, chamada Felicia Felix Mentor, foi encontrada caminhando estranhamente nas ruas do Haiti. No hospital, um familiar reconheceu a mulher, mas ela deveria estar morta, pois seu óbito ocorreu no ano de 1907. Na época, médicos e nem a pesquisadora souberam responder o que realmente estava ocorrendo. Sem solução, a pesquisadora saiu praticamente convencida da veracidade das crenças espirituais em que era possível a existência de zumbis.

Décadas mais tarde, em 1982 um antropólogo canadense chamado Wade Davis foi até o Haiti para tentar decifrar a incógnita dos Zumbis Haitianos. Sua conclusão fascinante foi publicado em dois livros: "A serpente e o arco-íris" e "A passagem das Trevas).
O pesquisador declarou que uma pessoa viva pode ser transformado em um tipo de Zumbi injetando algumas substâncias na corrente sanguínea do ser humano!!! 
Pois é, zumbis podem sim existir, vamos nos preparar!!!!
Davis também afirmou que o processo de zumbificação passa por duas etapas:
"Atenção galera, peguem papel e caneta para pegarem a receita para produção de zumbis!"
  1. Na primeira fase injeta-se uma mistura poderosa neurotoxina extraída o peixe Baiacu chamada tetrodotoxina, bufotoxina provenientes dos sapos e outras combinações de drogas. O resultado dessa combinação injetadas em uma pessoa é um estado de morte clínica, em que os batimentos cardíacos e a respiração são reduzidos ao ponto de se tornarem imperceptíveis. A pessoa dada como morta, então é enterrada, e em torno de oito horas após o enterro a pessoa é desenterrada antes que morra por asfixia.
  2. Na segunda etapa, consiste na administração de uma poção contínua de drogas, que induz as pessoas a um estado de confusão mental e desconexão com a realidade, fazendo com que as memórias recentes e a percepção sejam destruídas, tornando-se possível o controle total do possível zumbi. Dessa forma, os zumbis, eram comercializados pelos feiticeiros como escravos.
Davis então concluiu que, o zumbi haitiano era um estado de inicial de morte com animação suspensa, seguido pelo re-despertar após o enterro, em um estado psicótico. A crença do zumbi era reforçada pelo fato da pessoa ser enterrada. Existem casos, que um zumbi haitiano, tenha vagado por mais de 16 anos.

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

A maldição de Bin Laden

Depois da operação que acabou com a vida de Osama Bin Laden (líder terrorista responsável por derrubar as torres gêmeas nos EUA, em 11 de Setembro de 2001), apenas dois dos 25 membros das operações especiais Navy Seals permanecem vivos.
A maldição "Bin Laden" teria começado três meses após a operação (Geronimo) que levou à morte do terrorista. Tudo começou em agosto de 2011, um acidente de um helicóptero da Otan durante uma operação no Afeganistão matou 38 militares, sendo que 22 faziam parte do grupo da operação que invadiu o esconderijo de Bin Laden em Abbottabad, no do Paquistão.
O último soldado a integrar essa lista sombria, veio a falecer recentemente devido a um acidente de paraquedas.

Segundo o presidente do Afeganistão, os talibãs afirmaram a autoria do disparo contra o helicóptero que matou os militares. O mais entranho é que o governo americano, no entanto, nunca confirmou e nem desmentiu que o acidente provocou a morte de quase toda a equipe. Até parece sabotagem para apagar possíveis informantes.

Depois de alguns anos da morte de Bin Laden, ainda continua algumas dúvidas e suposições sobre a operação.

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

A verdadeira história da Princesa e o Sapo

O título original da Princesa e o Sapo, originou-se na Alemanha, intitulado O Rei-Rã ou o Henrique de Ferro, mas em português o personagem se popularizou como sapo e não rã.

Nas versões populares, como a da Disney, a transformação do sapo para um príncipe acontece com um beijo de uma jovem de origem humilde e negra, porém, na versão original dos Irmãos Grimm o encanto se quebra apenas quando a princesa arremessa o sapo contra a parede! Pois é, o sapo virou príncipe depois de uma bela porrada e não com um belo e meloso beijo.
Pelo menos o sapo não morre, deixando a história menos trágica que outros contos já abordados nesse blog.

Na história original, o príncipe sapo conhece a princesa, em um resgate de uma bola em que a princesa perdera em um lago profundo. O príncipe sapo propõe o resgate da bola para princesa, mas como troca, a princesa deveria ficar com o sapo, dando abrigo e comida para ele.
Sem saída, a princesa aceita o acordo e assim o sapo resgata a bola. Entretanto, a princesa não cumpre com o acordo e vai embora para o castelo. O sapo vai até o castelo e insiste para que a princesa cumpra sua parte do acordo.
O Rei e pai da princesa, percebe a desentendimento e questiona o que estaria acontecendo. Após saber da situação, o rei obriga a princesa a cumprir sua parte no acordo pactuado anteriormente.
Em seu quarto, a princesa com raiva, pega o sapo e o arremessa com toda força contra a parede. Para sua surpresa, o sapo arremessado não morreu, mas se transformou em um lindo príncipe.
No dia seguinte, nas portas do castelo, o escudeiro chamado Henrique, estava esperando o Príncipe para levá-lo de volta ao seu reino.

Além da diferença na forma de transformação do sapo para príncipe, a história difere bastante da versão pioneira.
1)Na versão popular da Disney, a transformação do sapo para príncipe, ocorre com um beijo de uma pessoa humilde e negra e não de uma princesa;
2)Ao beijar o sapo príncipe, a jovem garota, acaba se transformando em um sapo também. O feitiço é quebrado apenas quando o príncipe reconhece que, a riqueza não é o fator mais importante na vida, percebe que a amizade e o amor são elementos fundamentais para uma vida. Tal acontecimento, não acontece na versão original.
3)No final, para a infelicidade de muita gente, a princesa e o príncipe não terminam juntos como um casal, que vivem felizes para sempre.

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Sete coisas que você deve fazer antes de morrer

Lembre-se que a vida é bela e curta! A verdade é que todos irão partir desse mundo, seja amanhã ou daqui 100 anos. Como não sabemos a data exata de nossa partida desse mundo, é preciso aproveitar cada momento de sua vida!
Pensando nisso, listamos 7 coisas que você deve fazer antes de morrer

1-Perder a virgindade. Pois sexo é simplesmente um dos grandes prazeres humanos e todos devem ter essa ótima experiência. Fazer amor com a pessoa amada é a melhor opção, mas se não tiver outro jeito, uma rapidinha depois de uma festa já é o suficiente.

2-Fazer amizades sinceras, seja com a pessoa que você ama, amigos ou familiares. Sempre é bom ter alguém do seu lado que você pode desabafar e te ajudar nos momentos difíceis.

3-Ganhar seu primeiro salário. Por mais que seja baixo, é muito gratificante receber seu primeiro salário, conquistado com muito suor e garra. É um grande passo para você (mocinha ou mocinho) começa a se tornar independente.

4-Mandar seu chefe plantar batata HAHAHA, quem nunca sentiu essa vontade!? Se você soubesse a data exata do fim do mundo, com certeza não iria perder essa oportunidade.

5-Ter um diploma universitário, hoje até mesmo presidiário podem ter celas especiais, caso tenha um diploma do ensino superior. Quem sabe se isso também faz garantir uma zona de conforto no céu ou no inferno?! Atualmente conseguir um diploma do ensino superior não é tão complicado como antes.

6-Ir em uma cervejada universitária. Já que mencionei o ensino superior, todo calouro universitário sente a tremenda vontade de ficar bêbado em uma cervejada. Em uma cervejada pode acontecer de tudo, como: Gorfar suas tripas de tanto beber, entrar numa briga e ficar todo ferrado, ficar com um(a) Deus(a) da festa, pegar um traveco por engano e dar muita risada.

7-Assistir A Lagoa Azul pelo menos três vezes na sessão ta tarde!!..kkkkkkkkkkkkkkkkkk

terça-feira, 19 de agosto de 2014

Saiba como viver em Marte

Morar no planeta Marte como vemos em filmes como o Vingador do Futuro, pode-se tornar realidade. O projeto foi criado por uma empresa privada holandesa, chamada Mars One.

O processo irá funcionar como um reality show, que contará primeiramente com a inscrição de candidatos dispostos a levar uma vida em Marte, seleção e treinamento. Após a seleção os candidatos passarão por intensos treinamentos físicos e psicológicos para se adaptarem ao ambiente hostil.

No entanto, se o indivíduo enjoar do novo planeta não poderá voltar, pois a passagem até Marte é apenas de ida. O fundador da organização explica o motivo: “depois de passar um tempo vivendo no campo gravitacional bem mais baixo do que da Terra, será praticamente impossível se readequar à gravidade mais forte da Terra”.
Todo o processo de inscrição, seleção até a viagem, será transmitida em um programa de televisão semelhante a um reality show.
A viagem até Marte deve durar aproximadamente 8 meses.

Já em terras marcianas, para sobreviverem os novos moradores terão energia gerada por painéis solares e a água reciclada e extraída do solo, em relação aos alimentos, eles deverão cultivar os alimentos que vão consumir e também contarão com suprimentos de 
emergência.

Apesar de Marte ter tido uma proteção parecida há cerca de 4 bilhões de anos, hoje, a maior parte da atmosfera do planeta não existe mais. Na Terra, temos a proteção contra os ventos solares graças a um forte campo magnético. Sem ele, seria muito mais difícil sobreviver. Não há água líquida, a pressão atmosférica é praticamente nula, os níveis de radiação são mais altos e as temperaturas variam muito, tudo isso faz com que o planeta Marte torne-se um ambiente hostil para abrigar vida, afirmam cientistas.

Além do mais, a exposição à radiação é outro problema, principalmente durante a viagem, tal exposição pode levar ao aumento do risco de câncer, um sistema imunológico mais frágil e, possivelmente, infertilidade. Para minimizar a radiação, os responsáveis pelo projeto vão cobrir com vários metros de terra as cúpulas onde os colonos vão viver. Ela será cavada pelos próprios habitantes do local.

Além da hostilidade, o projeto claramente ficará bem caro, por volta dos US$6 bilhões.
Bom, se tudo correr como esperado, a cada dois anos, novos aventureiros vão se juntar ao grupo. Logo a humanidade terá uma nova colônia em Marte, assim como ocorreu com os países africanos e outros países. Pena que até então não encontraram algo valioso, caso contrário já teriam encontrado alguma forma de irem até lá.

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

A verdadeira história do Corcunda de Notre Dame

Originalmente chamado de Notre-Dame da Paris, o livro foi publicado em 1831, pelo escritor francês Victor Hugo. Como podemos notar, o próprio título da obra não citava o personagem eterno que todos conhecemos, "O Corcunda". Isso mesmo, a primeira obra, tinha o objetivo de conscientizar a população para a necessidade de se conservar a Catedral de Notre-Dame, e não centralizava o Corcunda como o principal da história. Apenas dois anos mais tarde, a obra traduzida para o inglês, foi intitulada "O Corcunda de Notre-Dame".

história conta a vida de um homem Coxo e Deformado que foi adotado pelo arcediago (encarregado, da administração de uma parte da diocese) Claudio Frollo.
O menino deficiente então, batizado de Quasímodo, enfrenta uma série de problemas por conta de um amor não correspondido por uma linda Cigana chamada Esmeralda.
Esmeralda é uma personagem cigana que representa uma beleza surreal,  que faz com que dois homens, Quasimodo e Claudio Frollo se apaixonem por ela.
Ela aparece na história, prestes a ser executada, a mando do próprio Rei francês Luis XI, acusada de feitiçaria e assassinato.
Como a França era uma país altamente xenofóbica, tal fato, contribuiu para que a pobre cigana fosse condenada a morte.


Na hora da execução de Esmeralda, Quasimodo a resgate e a leva até a Catedral, onde lá estaria temporariamente protegida, devido a lei do abrigo. No entanto, os ciganos com que ela vivia anteriormente, tentam libertá-la, mas Quasimodo a protege, atirando pedras, barras de ferro e outros objetos. Aproveitando todo esse tumulto, Claudio Frollo, tenta seduzir e fugir com Esmeralda. Frustrado com a recusa de bela Esmeralda, ele resolve entregá-la aos guardas da cidade. Os guardas então a levam novamente para e execução, na praça da Catedral.

Do alto da Catedral, Quasímodo e Frollo assistem à execução de Esmeralda sem poder fazer nada. Quasímodo, desesperado e enfurecido, atira o padre do alto da torre e desaparece para sempre. Após alguns anos, ao ser aberto o local onde Esmeralda havia sido sepultada, para a surpresa de muitos, são encontrados dois esqueletos abraçados; um deles, com uma visível deformação da espinha.

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Samurai Champloo: História de época moderna

Yooooo!!
Acredito que muitos já tenham assistido este anime, mas eu terminei de ver esses dias...
É de 2004 (eu sei, é meio antigo..... Porém gostei muito então acredito que vale a pena conferir!) e seu gênero é shounen, comédia, humor negro, ação, drama.

A história ocorre durante a era Edo do Japão e possui três personagens principais: Mugen, Jin e Fuu.
A Fuu é uma garota de 15 anos que inicialmente trabalha num estabelecimento que vende dangos, onde conhece o Mugen um rapaz de 19 anos, andarilho, vagabundo e folgado que acaba ajudando ou dependendo do ponto de vista, atrapalhando a Fuu na loja onde trabalha.
Logo em seguida, aparece o Jin, um samurai de 20 anos, muito quieto, de poucas expressões, com óculos (que na época era bem raro....) e acaba sendo confundido pelo Mugen e começam a lutar.
Apesar de algumas bagunças deles, os três acabam se juntando para iniciarem uma jornada em busca do “samurai com cheiro de girassóis” que a Fuu está a procura.

O anime tem 26 episódios bem agitados e hilários. O gênero musical predominante é hip hop, coisa que na verdade não havia na época. A abertura é neste estilo, sendo sincera, eu não gosto muito, mas a música de encerramento eu adooooro!! *.*
Durante os episódios aparecem algumas características da época misturadas com toques atuais que deixam as histórias mais divertidas.
O final me desapontou um pouco com gostinho de quero mais, porém não me arrependo de ter assistido. E espero que quem for assistir goste também.
Estarei esperando a opinião de vocês viu!?
Dyaa nee!! Bye bye!
Aya