quarta-feira, 9 de setembro de 2015

A verdadeira história dos Anjos

Os anjos são conhecidos como os mensageiros e os ajudantes de Deus na proteção contra o mal e o diabo.
Na cultura popular são seres puros, geralmente possuem asas, com uma beleza delicada, que muitas vezes são representados por uma criança.
O que muita gente não sabe, é que os anjos não os únicos protetores do céu, eles são apenas o baixo escalão de uma extensa hierarquia celestial.
O que são os Anjos?
São criaturas espirituais que servem como como ajudantes e mensageiros de Deus, responsáveis pela proteção e orientação dos seres humanos.
De acordo com cristianismo, os anjos não morrem, não nascem e nem se reproduzem. Eles podem se expor corporalmente, porém não possuem peso e nem altura.

A verdadeira história dos Anjos
O famoso teólogo Tomás de Aquino foi bem adiante para descrever os anjos, ele apresentou ao mundo no século 13, que até mesmo os seres sagrados dos céus, seguem uma extensa e burocrática hierarquia, que são compostas por três classes e nove postos.

A primeira classe é formada pelos anjos mais próximos de Deus:
  • Serafins: Os Serafins possuem seis asas e são os anjos mais próximos de Deus, responsáveis por proteger o trono sagrado. 
  • Querubins: São os guardiões do Jardim do Éden (local onde Deus teria criado Adão e Eva), para impedir que os humanos retornem ao paraíso. Inicialmente foram descritos como seres híbridos, como os quimeras, por possuírem partes do corpo do leão, touro, águia e ser humano. Apesar dos primeiros relatos, que mais se parecem com monstros,  hoje são retratados como bebês fofos e gordinhos. O Querubim mais conhecido seria Lúcifer, o Anjo traidor do reino de Deus.
  • Tronos: Responsáveis por delegar as funções estabelecidas por Deus aos anjos de escalação inferior. Geralmente são representados como jovens e adoradores da música.
Os integrantes da segunda classe são considerados os príncipes da corte de Deus e executam com perfeição suas ordens:
  • Dominações: Tem por objetivo organizar e controlar as atividades dos anjos inferiores.
  • Virtudes: São seres poderosos responsáveis pela manutenção da ordem do universo, capazes de causar maremotos, terremotos e tempestades. Apesar de sua força, eles são os anjos que fazem milagres entre os seres humanos.
  • Potestades: Responsáveis por carregarem a consciência e a história de toda humanidade. Os Potestades protegem a humanidade dos demônios com sua espada de fogo. 
Por fim, a terceira classe é composta pelos anjos mais próximos dos seres humanos, que são responsáveis pelo caminho do homem e de seus grupos no mundo material:
  • Principados: São subordinados das Dominações e Potestades. Orientam os reinos, os Estados e as cidades, ou seja, orientam a sociedade como um todo, portando uma coroa e um cetro.
  • Arcanjos: Considerado os verdadeiros mensageiros de Deus, pois são eles, que fizeram as grandes revelações aos humanos, como quando Gabriel anunciou que Maria seria a mãe de Jesus Cristo. Entre os mais conhecidos citados na bíblia estão Gabriel, Miguel e Rafael. Apesar de Ezequiel citar que Lúcifer seria um Querubim, na série Supernatural, o Anjo caído é um Arcanjo.
  • Anjos: São os seres celestiais que ocupam a mais baixa posição na hierarquia celestial, porém são os que mais estão próximos dos humanos. Sua principal função é proteger e orientar a humanidade à prática de boas ações e divinas.

2 comentários:

  1. Os querubins serem quimeras me lembram a parte em que na bíblia cita Marcos, João, Matheus e Lucas como leão, águia, touro e homem....

    ResponderExcluir