segunda-feira, 19 de junho de 2017

A verdadeira história do Death Note

Junto de Dragon Ball Z e Pokémon, Death Note é outro grande anime de grande sucesso que admiro muito! Não tão difundido e não tão longo quanto os outros dois animes mencionados, porém com um conteúdo muito rico e detalhado que resultou em praticamente uma obra prima! Vale lembrar que assim como Ranpo Kitan e Psycho Pass, Death Note também possui um gênero bem diferente dos animes populares no Brasil.

O que é Death Note?

Originalmente é uma série de mangá escrito Tsugumi Ohba com a ilustração de Takeshi Obata, publicadas pela famosa editora japonesa Shonen Jump, entre os anos de 2003 e 2006.
Assim como ocorre com as HQs ocidentais, muitas vezes o sucesso das revistas acabam ganhando mais vida, alcançando as séries animadas e filmes. E justamente foi o que aconteceu com Death Note, o anime foi divididos em 37 episódios, começou a ser exibido no Japão em outubro de 2006 e finalizou em junho de 2007, já o primeiro filme foi lançado em 31 de agosto de 2007.
O nome da série vem do inglês e significa Caderno da Morte. Tal como o próprio nome diz, o caderno possui um poder atrelado aos Shinigamis, uma forma de demônio, de matar as pessoas que nele forem escritos.
Esse caderno acaba caindo nas mãos de um estudante japonês chamado Yagami Raito, também conhecido como seu apelido Kira, que vem do termo em inglês, killer, que significa assassino. Desconfiado, o personagem testa o caderno em dois delinquentes e se convence de que a ferramente realmente funciona. Ele então começa fazer uma varredura dos criminosos de todo o mundo, com objetivo de criar um mundo melhor sem crimes.
Depois de vários criminosos sendo executados de forma semelhante pelo portador do Death Note, a polícia internacional suspeita de que alguma pessoa esteja envolvida por trás mortes. E assim, o detetive L entra no jogo e a trama genial realmente começa!

A verdadeira história do Death Note

No começo, essa história de demônio e colocar o nome em um caderno para uma pessoa morrer, parecia ser meio sem sentido, mas depois de alguns episódios a história vai ficando cada vez mais imersiva e intrigante.
O anime/mangá faz referência a vários assuntos polêmicos da nossa sociedade, tais como o sentimento de impunidade, a justiça pelas próprias mãos, a busca pelo poder, a religião, etc.


Justiça com as próprias mãos

A situação caótica em que o Brasil vive atualmente, com políticos corruptos que roubam milhares dos cofres públicos soltos por aí, andando de jato particular e barcos luxuosos, enquanto os trabalhadores honestos e assalariados estão suando a camisa diariamente para colocar o pão de cada dia em suas casas, correndo o risco de ser assaltado por um marginal drogado que se diz vítima da sociedade, transcreve muito bem o pensamento de Kira. Se a justiça não pune de forma adequada, quem irá punir o transgressor!?
Conheço alguns amigos que tiveram suas casas assaltadas diversas vezes pelo mesmo delinquente. Toda vez que o marginal é preso pela polícia, depois de pouco tempo ele está livre nas ruas novamente para cometer o mesmo crime.

O poder descontrolado

Quando o protagonista Kira começa a pegar gosto pelo caderno e se sentir poderoso pelo seu querido instrumento, ele acaba cometendo vários erros, devido ao seu orgulho e por se achar poderoso demais.
Isso é o que muitas vezes acontece na vida real, muitos poderosos acabam deixando de seguir o caminho certo, mesmo sabendo que está errado. O preço a ser pago pelo erro pode ser alto. Seja humilde independente da situação em que você estiver é uma lição que Death Note ensinará.

Uma grande crítica sobre as religiões!

A referência sobre a religiosidade começa quando o Shinigami, deus da morte, é viciado em comer maçãs, o fruto proibido do paraíso de Adão e Eva. No entanto a crítica pesada é a citação do Shinigami sobre céu e inferno: "Não importa como você viveu sua vida, o pós vida é sempre o mesmo para todos. Céu e inferno não existem, isso serve apenas para incentivar as pessoas serem boas. E se elas soubessem de que nada disso realmente existe e que todos um dia vão parar num vazio!?" Shinigami Ryuk.

Um comentário:

  1. Uau eu assistir na netflix mas
    Agora esta tudo mais claro para mim

    ResponderExcluir