quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

A verdadeira história do Deadpool

Diferente de muitos personagens idolatrados do mundo Marvel, Deadpool não segue os padrões desses personagens, como Homem de Ferro, Thor e Capitão América. Ele é na verdade um anti-herói, ou melhor dizendo um herói bem controverso, que inclusive já teve participação como vilão no mundo Marvel, em X-Men.

Pra começar, vale destacar que anti-herói não é um vilão. A principal diferença entre esses dois termos é que o anti-herói cumpre seus objetivos, considerados heroicos, por motivos egoístas ou pessoais, sem seguir regras. Por outro lado o vilão, cumpre seus ideais para causar o mal, medo e pavor nas pessoas.

O que é o Deadpool?
É um personagem fictício da Marvel, que as vezes é herói, outras vilão.
Pra ficar no meio termo, ele é um tipo de anti-herói que teve seus poderes adquiridos através de um experimento. Ganhou grande popularidade, por seu estilo brincalhão, seu humor sarcástico e falas excêntricas.
Deadpool foi criado no começo dos anos 90 e apareceu pela primeira vez como vilão em X-Men.
Inicialmente ele foi criado para ser uma paródia do personagem Exterminador do Universo DC, porém acabou ganhando seu espaço e consequentemente um história própria.

A verdadeira história de DeadPool
Seu nome original é Wade, um mercenário que teve uma infância conturbada, por perder sua mãe tão cedo, vítima de câncer e por apanhar frequentemente e receber maus tratos de seu pai.
Como prova de sua conturbação, certo dia, Wade acertou um garrafa de vidro na cabeça de seu pai, levando-o a óbito. Depois desse acontecimento, resolve a começar trabalhar de Mercenário.
Depois de descobrir que está com câncer terminal, Wade resolve aceitar uma oferta de experimento militar humano, algo semelhante que aconteceu com Wolverine.
Além da super-força, um dos outros poderes adquiridos foi a cura, que consequentemente teve seu câncer curado.
O poder de força e de cura não foi suficiente para tirar a sanidade de Wade, pois em sua primeira missão, ele matou seu companheiro de equipe.
Como punição, ele foi rejeitado desse projeto e abandonado em um hospício.
Os residentes desse local costumavam a fazer um tipo de aposta, denominado Deadpool, que era uma tentativa de adivinhar de quem morreria primeiro. Nesse local, ele sofreu várias torturas experimentais e por fim teve seu coração arrancado para morrer. Por ser tão persistente aos experimentos e torturas, os residentes o apelidaram de Deadpool.
O poder de regeneração e o desejo de vingança era tão extremo, que através do poder cura, regenerou seu coração, com exceção das cicatrizes adquiridas durante as torturas.
Após sua vingança, ele continuou sendo um mercenário e passou por diferentes momentos, algumas vezes como vilão e outras como um anti-herói.

3 comentários: