quarta-feira, 10 de junho de 2015

A verdadeira história de Poltergeist

O filme Poltergeist é considerado um dos maiores sucessos da história do mundo dos cinemas de terror.
O enredo da história gira em torno na casa de uma família, que é invadida por espíritos malignos e sequestram o membro mais jovem da família, Carol Anne.
O primeiro contato com espíritos ocorreu com a famosa cena em que Carol conversa com supostos espíritos, através de uma televisão ligada com chuviscos, a famosa estática.

Poltergeist foi produzido pelo renomado Steven Spielberg e lançado em 1982. Devido ao sucesso, mais dois filmes da franquia foram lançados.

A verdadeira história de Poltergeist
Além de ser um dos filmes mais assustadores da história, Poltergeist é considerado um filme amaldiçoado, pois várias pessoas associadas ao filme perderam suas vidas de verdade.
Apesar da suposta maldição rondar o filme, em 2013, um remake com atores corajosos começou a ser produzido e estreou nos cinemas em 2015.

A palavra Poltergeist vem do alemão e significa espírito brincalhão, é um fenômeno paranormal não explicado pela ciência, que se manifesta em um ambiente através de algumas ocorrências físicas, como abertura de portas, movimentação, aparecimento e desaparecimento de objetos, sons e luzes que surgem espontaneamente, etc.

A maldição do filme Poltergeist
A maldição começou após a morte da atriz que interpretava a filha mais velha da família. O responsável por tirar a vida da atriz foi o próprio namorado, logo após o lançamento do primeiro filme. De acordo com registros, o que motivou o crime foi o ciúme, pois ele não aceitava toda fama e assédio dos fãs sobre a namorada.
Como era a primeira morte, pouca importância a mídia deu sobre o caso e nenhuma associação a maldição foi feita, consideraram o caso como apenas uma fatalidade.
Aparição de fogo de forma espontânea pode ser considerado
 como um fenômeno de poltergeist.
No entanto, pouco tempo depois, o ator que interpretava o antagonista Reverendo Henry e o diretor do segundo filme morreram de câncer. Além do reverendo e do diretor, outro personagem também faleceu, por complicações de um transplante de coração.
O estopim para começarem a desconfiar da maldição, foi a morte da jovem atriz que interpretou Carol Anne, após o término das gravações do terceiro filme da franquia.
Ela perdeu sua vida aos 12 anos no hospital, vítima de um ataque cardíaco causado provavelmente por problemas intestinais.
A morte da atriz chocou a mídia mundial naquele época, pois além das seguidas mortes registradas, a atriz mirim estava em ascensão e era considerada uma promessa no mundo cinematográfico.
A morte da jovem garota, contribuiu para aumentar ainda mais sobre os boatos da maldição que rondava os filmes da franquia Poltergeist. Pois além das mortes, vários outros acontecimentos misteriosos foram registrados, tais como acidentes nas filmagens e até a destruição da casa da família Freeling, causado por um terremoto.

Depois de conhecer a verdadeira história de Poltergeist, você tem coragem de assistir o novo filme?
Segue o trailer dessa grande produção:
Conheça também a verdadeira história de Charlie Charlie, o desafio que amedronta muitos internautas, e a verdadeira história da Annabelle, a boneca mais temida do mundo.

Um comentário: